Sem categoria

Sua marca tem um bom nome? Veja estas dicas

Criar o nome de uma loja virtual não é tarefa fácil. Ele precisa transparecer as motivações da marca, ser simples e estar alinhado com o segmento e com o público-alvo. Por isso, esta etapa não deve ser negligenciada. Pelo contrário, deve ser pensada sem pressa e sem impulso, pois será fundamental para que a marca represente tudo o que se propõe a oferecer. Veja estas dicas para criar um bom nome para sua marca:

Aposte na clareza

Nada de escolher um nome que só tenha significado para quem conhece os donos da marca, né? O propósito da empresa deve ser entendido por todo mundo. Por isso, crie uma lista com as palavras que se associam com o segmento e com os produtos ou serviços oferecidos. Não se atenha à quantidade: quanto maior for a lista, maior será a possibilidade de criar um nome que sintetize o que o negócio oferece.

O nome deve estar na ponta da língua

O cliente tem que ter o nome da marca na ponta da língua. Precisa lembrá-lo no momento de acessar a loja virtual e também na hora de indicá-la para amigos ou familiares em uma conversa presencial. Portanto, não inclua palavras que só quem é do ramo conhece. Também elimine todas as possibilidades que causem dúvida na hora de escrever ou de pronunciar. Isso afastará o público e dará a ideia de que a marca não é acessível para todos.

Lembre-se de se diferenciar dos concorrentes

Criar um nome claro, fácil e único é um grande desafio, não é mesmo? É neste ponto que entra a criatividade e o conhecimento sobre a proposta da marca. Um nome único faz com que a loja se diferencie dos concorrentes, sem que os clientes fiquem em dúvida ou confundam com outra marca do segmento. Este item é trabalhoso na hora de ser pensado, mas oferece a oportunidade de a marca afirmar seus pontos fortes e de destacar seu valor agregado.

Transpareça a renovação

Se a empresa é nova, o nome também deve ser novo. Podemos dizer que estamos em uma época em que quase tudo já foi feito. O que as novas marcas oferecem não costuma ser um novo produto ou serviço, mas sim uma nova forma de fazê-los. Portanto, a marca deve trazer este caráter de renovação, mostrando que a atuação da empresa é atualizada, com conhecimento sobre o que propõe.

Inspire-se, mas não copie

Na hora de criar o nome da marca é importante verificar os nomes dos concorrentes diretos e indiretos. Vale até ver os nomes de empresas do mesmo segmento em outros países. Porém, isso serve somente como inspiração. Copiá-los não trará os resultados esperados. Ter uma marca única é a melhor estratégia a ser adotada.

Pense no impacto positivo

Um bom nome causa uma impressão positiva nos clientes. Mostra que foi planejado com atenção e, mesmo que de forma inconsciente, demonstra que todas as outras etapas da compra também serão bem-feitas. Pense em uma marca que ofereça confiança aos clientes.

Agora que você já sabe quais são os principais pontos para criar uma marca, que tal começar?

Você pode gostar também

Nenhum comentário

Deixe uma resposta